top of page

Caem as exportações da indústria de transformação no RS

As exportações da Indústria de Transformação caíram mais de 5% no Rio Grande do Sul em fevereiro, apresentando um faturamento total de US$ 1,2 bilhão. O recuo chegou a 5,2% frente ao mesmo mês de 2023, puxado principalmente pelo declínio de 5,2% das quantidades vendidas, já que os preços médios reduziram pouco, apenas 0,1%. Dos 23 segmentos exportadores, somente 13 apresentaram aumento de receita no RS. “Ainda seguimos com problemas na demanda externa. O mercado menos aquecido afeta diretamente o Rio Grande do Sul, que tem uma indústria diversificada e bastante exportadora”, diz o presidente da FIERGS, Gilberto Porcello Petry.


De acordo com os resultados divulgados pela Secretaria de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços, Alimentos foi o segmento que mais se destacou no mês, tendo US$ 353,8 milhões (-US$ 108,2 milhões ou -23,4%) de faturamento. Em linha com o observado na Indústria de Transformação, preços médios (-12,4%) e quantidades (-12,6%) apresentaram retração quando comparados ao mesmo mês de 2023. O ramo alimentício que mais vendeu foi o de abate de aves, com mercadorias adquiridas pelos Emirados Árabes Unidos.


Comunicação da FIERGS










Commentaires


bottom of page