top of page

São 43 mil fábricas prejudicadas pelas cheias

Os primeiros levantamentos, feitos pela FIERGS, mostram que os setores mais afetados pelas enchentes são os de veículos, máquinas, móveis, derivados do petróleo, alimentos, calçados e químicos.

 

São mais de 43 mil fábricas prejudicadas de alguma forma pelas chuvas, o que corresponde a 86,4% das indústrias do estado. Em termos de empregos, são mais de 740 mil pessoas sem perspectivas, ou 87,2% dos postos de trabalho industriais do Rio Grande do Sul.


As regiões do Vale dos Sinos, Metropolitana e Serra são as mais afetadas em termos de quantidade de indústrias e de empregos industriais. As regiões Central, Planalto e Metropolitana concentram importantes indústrias exportadoras do Estado.


Portal da Indústria


Comments


bottom of page